Bonito News
Cotação

Sobrinho de prefeito continua desaparecido após acidente com lancha no Rio Sucuriú

Publicado em 30/12/2016 08:24 Editoria: Cidades News sem comentários Comente!


Um dos desaparecidos no Rio Sucuriú,  em acidente ocorrido com embarcação em Três Lagoas, na noite de quarta-feira, é André Nóbrega Sãovesso, de 33 anos, sobrinho do prefeito de Batayporã, Alberto Luiz Sãovesso. Júlio César Chaves Sarati, de 35 anos, amigo de André, também está desaparecido.

Por medida de segurança as buscas foram encerradas ontem, depois de 4h de trabalho. Mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Três Lagoas reiniciaram a atividade na manhã de hoje, por volta das 7h, mas até o momento não há informações do paradeiro dos homens.

O sobrinho do prefeito estava na embarcação na companhia dos três filhos, sendo dois adolescentes de 16 e 14 anos, e uma criança de dois anos, que conseguiram se manter na lancha e foram resgatadas por bombeiros e por pessoas que estavam em uma estância.

Informações preliminares apontam que André e Júlio César não usavam coletes salva-vidas e que possivelmente foram lançados nas água. Sendo assim, André e o amigo teriam submergido por estarem sem os equipamentos de segurança, já os adolescentes e a criança estavam com coletes, o que facilitou o retorno para a lancha.

Os três menores se comunicaram com o Corpo de Bombeiros através de um telefone celular. Eles foram encontrados no barco à deriva, resgatados pelos socorristas e passam bem. De acordo com o Sargento Roney, quando se forma um temporal no Rio Sucuriú, os ventos se canalizam com uma força incontrolável, o que pode ter provocado o acidente.

A lancha teria saído da Marina JS, ao lado do Balneário Municipal de Três Lagoas. André reside na região de Três Lagoas, onde trabalha como representante da empresa Dallas Alimentos.

› FONTE: Bonito News (www.novo.bonitonews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: